google analytics

sexta-feira, 5 de março de 2010

Só era preciso um as de paus...

Ola leitoras e LEITORES !
Eu sinceramente não ia escrever esse conto agora, mas devido a insistência de muita gente e da própria pessoa em questão que autorizou, a aninha que é uma pessoa meio tímida para essas coisas, eu decidi como foi a minha vingança, juro que não planejada, para a aninha.
Vocês lembrando do meu doutor né ? Então depois daquele dia nós começamos a sair outras vezes ele não era só bonito ele era inteligente, ai me perguntei o que diabos leva um cara a ser ginecologista, e gamei pela sua resposta , ele me disse que não verdade ele não queria ser ginecologista e sim obstetra (que cuida de gravidez e parto) desde criança ele brincava de medico (hahaha sei...) e gostava de fazer parto nas amiguinhas, de ver elas gravidas e ele queria muito ser pai, aquilo me comoveu agente pensando que era um menino tarado que queria ver bucetinhas e o cara me diz uma coisa dessa ? Gamei na hora!
Mas um certo dia agente tinha combinado de sair mas ele ligou dizendo que não poderia que iria ficar no hospital, mesmo saindo com um medico não achei que ia passar por isso, ninguém aparece com uma emergência na bucetinha para chamar o ginecologista, mas como obstetra esqueci que as vezes os trabalhos de partos levam horas, enfim ai eu la desolada em casa morrendo de tédio, liguei pra aninha, queria saber o que ela ia fazer, ela disse que ia ficar em casa, que o namorado dela que mora longe não ia vir, já faz um tempo que eles estavam meio assim e ela tava chateada, então fui até a casa dela, fazer companhia pra ela, chegando la ficamos vendo filme e comendo porcarias, duas carentes comendo chocolates chorando vendo filme romântico, tadinha de nós, quando era las pelas 2 da manha o filme já tinha acabado, estávamos deitadas nos colchonetes conversando e toca o meu celular, era ele perguntando se eu queria fazer alguma coisa, disse para ele se juntar a nós, quando a aninha disse que não que não ia ficar de segurar vela, ai disse para ele trazer uns dois amigos, só pra aninha não ficar sozinha, ele disse que tudo bem, nem havia desligado e já estávamos indo para o quarto, nos arrumar. Fizemos mo zona , foi dificil achar uma roupa da aninha que servisse em mim, ela é pequeninha e tal, então ela pegou uma roupa da irmã dela, não era o meu melhor,mas era melhor que a minha eu acho, tinha ido para la, toda largada, não imaginava que fosse ve-lo, mais foi o que serviu, uma calça legging, uma blusa larga tipo abadá, de deixei a blusinha que eu estava por baixo mesmo, eu caprichei na produção da aninha, como ela tava meio chateada com o namorado então nada melhor que uma caprichada no visual... tava com uma saia e uma blusa de botões , meio social, linda demais a minha menininha. Então fomos pra cozinha prepararmos as bebidas, ficamos la um bom tempo preparando e bebendo já claro, afinal os meninos estavam demorando.
Por finalmente chegaram, meu doutor e um amigo dele, menino simpático, ou como chamam ele “entrosa fácil”, nos conhecemos brevemente e fomos pra sala, ligamos os som e ficamos conversando, até que decidir o que fazer, eu estava girando a garrafa vazia de vodka com o garoto novo disse que isso parecia verdade ou desafio, aquele jogo do colégio lembra ? Hahaha então decidimos voltar as origens e brincar disso novamente, mas claro que ia ter que rola algo a mais, decidimos que a cada 4 verdades a quinta era obrigatoriamente um desafio, e assim começou nosso joguinho. Começaram com verdades razoavelmente leves, com exceção da minha, queria ver aquilo pegar fogo, então logo chegou o primeiro desafio, o garoto novo desafiava o medico, ele então pediu que dissesse sacanagens no ouvido de alguem, mas todos tínhamos de escutar, obivamente já fui me preparando para ouvir, quando ele se levanta passa por mim e vai até a aninha, ele diz olhando pra mim, aquele filho da p*ta tava querendo me provocar ciumes, e disse “sabia que você tem uma bela bundinha? Queria era te xinxar e fazer você tremer na base sentindo meu pau duro”, eu já comecei a me empolgar, e o jogo rolando e as perguntas aquecendo também até que caiu um desafio entre eu e a aninha, era a minha vez de fazer ela pagar, disse queria que ela fosse até a janela e mostrasse os peitos pra todo mundo e gritasse para todos verem, ela ficou vermelha de vergonha, ela era meio tímida mas jogo é jogo, e la foi ela e mostrou aquele seios pra toda a vizinhança, e voltou pra mesa, vi que o nosso colega gostou muito desafio passou a olhar a aninha sem parar e ela correspondia esse olhar de uma jeito acanhando, meio se sentindo culpada pelo namorados, mas assim prosseguimos e as perguntas iams acabando até que a aninha perguntou qual era o desejo dele, e ele respondeu “strip poker” era a nossa deixa já me levantei pega na mão da aninha e perguntei se ela tinha aquele baralho, ela ficou meio relutante mas todos pediram e ela acabou cedendo, e ela foi pegar, fui com ela, chegando no quarto ela me chamou de louca, queria saber o que eu estava querendo fazer, eu disse que só queria que ela fosse feliz, sem medo, queria que ela liberasse seus desejos e não ficasse presa a um cara que nem da bola pra ela, que aquele cara lai na sala tava morrendo de vontade de ficar com ela e sabia que ela também queria, mas ela disse que era maluquice minha., pegamos o baralho e voltamos pra sala e começamos o jogo, aquele garoto era muito esperto , ele sabia jogar muito bom poker, ele conseguia se despir e vestir quando quisesse, se mostrando pra aninha porem sem se comprometer, a aninha sa estava muito empolgada, quando ela perdia uma peça ela vazia uma dancinha, sensual, sua blusa foi tirando aos poucos, desabotoando um por um, fazendo caras e bocas provocando o nosso convidado, eu não queria ficar atrás, quando perdi minha calça eu rebolei bastante, mostrando e escondendo minha bundinhas, querendo provocar o meu doutor, até que estávamos na mesa eu só de calcinha e meia, meu doutor de calça e cueca, aninha só de calcinha, e nosso amigo safado viciadinho em poker só estava sem camisa. E aninha perdeu, perdeu a ultima peça de roupa e teria que pagar uma penitencia, ela então revelou a sua bucetinha para nós, os meninos não repararam mas eu vi que ela tava molhadinha de tesão, meninas se ligam mais nesses detalhes, agente vê a vermelhidão destacar na pele branquinha, deve ter se esfregado a noite toda, morrendo de tesão, mas não bastava ali peladinha para nós ela teria a sua penitencia, e nosso colega nem falou nada, se posicionou e passou a mão sobre o pau dele, já entendemos que ele queria uma bela mamada da aninha, concordamos e ela mesmo sobre protesto teve de cumprir, ela então se ajoelhou e começou, tirou seu pau pra fora e começou a dar beijinhos, ela fechou os olhos e não abriu mais até acabar, ela sugava suas bola e deixou o pau do cara sobre o seu rosto, parecia aquelas vadias de internet, mamou com gosto, lambia a cabecinha, lambia o pau dele, sugava com vontade, eu sabia que a aninha num era muito experiente, depois de um tempo me confessou que se inspirou nas coisas que eu contava pra ela, e ela tinha aprendido direitinho, a danada tava me dando agua na boca, sentei no colo do meu medico e ficamos assistindo, ele ficou me masturbando e pegando nos meu peitinhos, mas também não queria perder um segundo, vendo a aninha cair de boca no pau do amigo dele, mas aninha me surpreendeu, quando cara estava prestes a gozar ela se levantou e achamos que estaria tudo terminado, mas ela sentou no colo dele e começou a beija-lo ajeitou o pau dele na sua bucetinha e rebolar no pau dele, ela estava fazendo sexo com um estranho, e na nossa frente, foi muito excitante, acabei com a minha bucetinha vendo ela metendo, ela realmente se soltou, cavalgava, rebolava, de quatro, 69, um vídeo porno ao vivo, nunca vou me esquecer daquelas cenas..

5 comentários:

Leonardo disse...

De fato foi ecxitante, lembro-me de algo parecido comigo!
hehehehehe

Anônimo disse...

ameeei *------------* by-Maria Valentina

Anônimo disse...

Adorei o conto...
tava beeem curiosa para saber o que ia acontecer com a Aninha....

Anônimo disse...

; Karambaa! a Aninha se soltoou heiin!

Fréya Vivienne disse...

Gostei!!!!!
Gostaria de saber se posso colocar este conto no meu blog?
http://eroticsexynight.blogspot.com/2011/02/erotic-sexy-night.html

sou amiga da Livia!
tah aki meu email
eventos_michelle@hotmail.com

aguardo contato!