google analytics

sábado, 29 de janeiro de 2011

A Freguês do Português

Olá meninos e meninas sapekas !
Como vocês estão ? Como esta indo as férias de vocês ? Acho que, assim como eu, nem todos ainda estão de férias mas é sempre bom viajar não é ? adoro viajar conhecer novos lugares e pessoas e em homenagem à @helloah que estará indo morar em lisboa , lembrando que Portugal é o país que mais acessa a blog depois do brasil então deixa eu mandar um beijo aos gajos e gajas delicia da terrinha, então vou voltar um pouco no tempo e contar a vez que estive em Portugal.

Desembarcamos no aeroporto de Portela por volta dàs 23 horas, depois de uma viagem meio complicada, ficamos horas esperando pegamos o penúltimo voo e esta lotado não conseguimos nem sentar perto um do outro, ficou cada um em uma poltrona. Estávamos todos cansados querendo chegar em casa logo, Eu, a daniela e o sidney viemos em uma leva depois o resto de pessoal já tinha vindo e estavam em uma casa que a produção alugou para nós, era um trabalho simples basta vir e fotografar (pelo menos era o que eu pensava no dia) pegamos um táxi e fomos direto para o apartamento, quem nos recepcionou foi a camila, uma soteropolitana totalmente de bem com a vida, uma fofa, sempre com um sorriso no rosto, (mesmo que desta vez o sorriso era efeito do álcool) a primeira coisa que pensei foi que haviam começado a festa sem mim, mas eu estava cansada queríamos por as malas em algum lugar e sentar um pouco, mas quando fomos até o quarto e demos de cara com a Monique deitada na cama, com o vestido na altura do umbigo, ao entrar no quarto acendemos a luz e ela despertou... e ao se levantar para nos cumprimentar deixou seus peitos todos a mostra, completamente embriagada o sidney arregalou os olhos , ficou sem reação, primeira viagem dele conosco e ele simplesmente tava vendo a monique com os peitos de fora! Eu rapidamente fui cobrir ela e quando reparei havia mais uma pessoa deitada na cama seminua, era uma cara então pedi ao sidney que nos desse licença.

Ele foi para sala, acho que ainda meio acanhado com a situação então a dani foi la com ele e ficaram conversando. A dani é uma pessoa que você estranha no começo pois ela fala muito alto e muito rápido e tudo que vem na mente dela, ela não tem nenhum filtro... mas você da boas risada com ela. Quando eu consegui arrumar a monique eu fui para cozinha para pegar um pouco de açúcar e dou de cara com a pia toda gorfada, pelo amor de deus, entupiram a pia com vomito, o que diabos essas meninas tinham bebido ? Voltei para a sala e descobri que elas tinham tomado a garrafa toda de absinto, por isso estavam naquele estado, perguntei quem era o cara na cama da monique e elas disseram que era um cara que morava no prédio, eles haviam encontrado ele no elevador e ele ajudou com as malas, mas nunca tinham visto ele antes (
é.. e ela quis dar uma caixinha pro carregador né ?). era a primeira viagem do sidney com agente, o que ele ia pensar se logo que ele chegasse visse sua colega de trabalho com os peitos para fora que acabou de fazer sexo com uma desconhecida (que maravilha!) ? Ficamos os três conversando na sala rindo da situação constrangedora e das baboseiras que a dani falava, a camila tinha voltado a dormir também, não queria tomar absinto então ficamos só na cervejinha, ligamos o radio e o tempo foi passando, até que um determinado momento da noite , houve um momento de silencio no radio e na conversa e ouvimos um som bem característico, levantei do sofá e discretamente abaixei o volume da rádio e os três passaram a prestar a atenção... podia se ouvir os gemidos lá da sala. Ficamos só ouvindo tentando adivinhar o que eles faziam exatamente, mas eu queria mais, ouvir os gemidos carregados de tesão estavam me atraindo eu já não conseguia mais prestar a atenção na conversa ficava só ali imaginando os dois, comecei a ficar inquieta até que decidi que iria ao banheiro, lavar o rosto, seilá. para ver se aquele tesão passava mas só piorava porque o banheiro era ao lado do quarto.

Eu fui me aproximando tentando não fazer nenhum barulho, para que nem o pessoal da sala , nem o pessoal do quarto me vissem, um pézinho atras do outro, de meia e então pus minha cabeça para ver o que estava acontecendo, eu estava nas sombras, mas havia uma penumbra que me deixava ver tudo perfeitamente, pude ver a toda as costas da monique, ela é do tipo mulherão, morena, alta, do tipo que chama a atenção por onde passa, é impossível não reparar no corpo dela, uma musa de passarela. E eu estava vendo ela assim, imponente, cavalgando, para cima e para baixo, rebolando no pau do desconhecido, parecia uma maestra, como aquele tamanho todo mas sem perder o gingado, ela devia estar muito excitada, ela jogava a cabeça para trás, parecia estar de olhos fechados, delirando e gemendo alto, literalmente uma... potranca cavalgando bem gostoso. Depois ela se repousou sobre ele, deixando os seus peitos na cara dele, para ele chupar, morder apertar, lamber para levá-la ao êxtase. Ele então apertou a sua bunda, e começou a voltar aos movimentos, agora com muito mais intensidade, com muito mais força ele apertava a bunda dela e subia e descia ela, fazendo ela realmente sentar no pau dele e ela parecia estar adorando! E claro que eu também afinal desse modo eu conseguia ver a ação de camarote, podia ver a sua bucetinha toda sair até a cabecinha e entrar até o pau dele todo estar lá dentro, bem rápido, bem excitante e fazendo ela gemar mais alto ainda, ela começou a falar e a xingar tentando extravasar todo o tesão que ela estava sentindo naquele momento. Falando em tesão reprimido olhei para um dos beliche, pois haviam dois beliches um em cada parede e a monique estava fazendo sexo no colchão entre eles, e vi a camila deitada na cama, de bruços, primeiro achei que ela estava dormindo aquele tempo todo, já seria bastante excitante fazer sexo com uma pessoa dormindo ao seu lado, mas eu fiquei olhando bem para a camila e vi que a bunda dele estava um pouco erguida e ela estava deitada sobre as mãos, então logo imaginei que as suas mãos estavam dentro do shortinhos logo... AQUELA VAGABUNDA TAVA VENDO TUDO E SE MASTURBANDO!!! Nossa que safada! Quanto a começou a esquentar de verdade, ela já não conseguia se conter, podia ver claramente ela movendo seu quadril, com certeza ela já estava com os dois dedos enfiados na sua bucetinha.

Cavalgada é uma posição que cansa muito, então eles trocaram de posição e ela ficou de quatro, os dois já estavam tomados pelo tesão achei que eles me veriam naquele momento, mas não começaram a fuder sem nem ligar para ninguém, ela começou de cabeça baixa, apenas sentindo o pau dele entrando e saindo, bem mais devagar, mas quando ele a pegou pela cintura e começou forte e ela ergueu a cabeça, foi quando tinha a certeza que ela tinha me visto, acho que ela até queria dizer para parar (ou queria me convidar para fazer parte) mas tudo que ela conseguia era gemer, ela ficou olhando ali para mim como cara de safada, sendo comida gostoso, querendo me mostrar o quando estava gostoso, ora ela olhava pra mim bem nos meus olhos ora ela virava a cabeça (como comercial de shampoo) e ficava olhando para o pau dele entrando na sua bucetinha. Eles mudaram de posição fazendo o frango assado, me senti em um set de filmagem de um filme porno, podia ver a bucetinha dela toda aberta recebendo aquele pau, ela não parava de olhar para mim, me provocando, abrindo ainda mais as pernas.

Por fim ele sai de cima dela e gozou na sua barriga, foi então que eu sai do quarto e voltei para sala, o sidney até perguntei se eu tava bem, porque eu tava meio ofegante e começando a suar disse que tava com calor (claro, meu corpo tava pegando fogo, minha calcinha encharcada) e disse que ia tomar um banho. Entrei no banheiro correndo, tranquei a porta , arreei a calça e comecei a me masturbar... sem dó pensando no que tinha acabado de ver, com as imagens frescas ainda na minha cabeça, e depois fui mesmo tomar banho gelado porque eu estava suando já, meu corpinho já pingava suor. O que aconteceu depois que eu sai do banho que conto na próxima, ok ? Então aguardem, esse foi só o primeiro dia de viagem... aguardem”

2 comentários:

marques disse...

Você descreveu bem a situação com bastante detalhes.

Parabéns pelo texto

MarquesK

Só o Rock Alivia

Anônimo disse...

Detalhista vc,heim? Parabéns!